Master Brand

Toxoplasmose em gatos: entenda

Compartilhar
Intro Text
Você provavelmente já ouviu falar de toxoplasmose, mas há muita confusão em torno do diagnóstico, dos sintomas e do tratamento para humanos, gatos e outros animais.

Você pode até mesmo já ter sido exposto à toxoplasmose. Acredite se quiser: estima-se que até metade da população mundial possa já ter sido infectada com a doença, mas a maioria das pessoas não apresenta sinais e sintomas e nem sabe que tem a doença. Então, o que exatamente é a toxoplasmose e o que isso tem a ver com gatos?
Content
Image
Gato deitado sobre banco de madeira

O que é a toxoplasmose?

A toxoplasmose é uma doença parasitária comum, que geralmente é encontrada em aves e animais, mas pode ser transmitida para os seres humanos. É uma infecção provocada por um organismo unicelular que forma estruturas semelhantes a óvulos – chamadas oocistos – no hospedeiro (geralmente gatos). Esses oocistos são eliminados nas fezes do gato e podem infectar humanos que entram em contato com o cocô.

Como os gatos pegam a toxoplasmose?

Os gatos podem entrar em contato com o parasita cavando em solo infectado, comendo ratos ou pássaros infectados ou ingerindo fezes. Os sintomas em gatos incluem letargia, febre, perda de peso, problemas respiratórios, convulsões, vômitos e diarreia – mas a maioria dos gatos não apresenta nenhum sintoma.

Como os humanos pegam a toxoplasmose?

Os seres humanos podem contrair a infecção ao limpar o cocô do gato ou a areia sanitária. No entanto, mesmo se você não tiver um amigo felino, ainda pode contrair toxoplasmose ao comer carne crua ou malcozida, manusear solo contaminado ou frutas e legumes não lavados ou não lavar as mãos adequadamente após a jardinagem.

Quais são os sintomas?

Muitas pessoas com toxoplasmose nem percebem que têm a doenças. Como os gatos, a maioria das pessoas infectadas não apresenta sintomas. Às vezes, pessoas com toxoplasmose passam por uma doença semelhante à gripe, com glândulas linfáticas inchadas, febre e dor de cabeça, mas na maioria dos casos esses sintomas desaparecem após algumas semanas. Porém, é mais grave em mulheres grávidas, pois elas podem transmitir a doença ao bebê. Por isso, recomenda-se que as gestantes não manuseiem areia sanitária de gatos e evitem trabalhos de jardinagem.

Ao contrário do que dizem por aí, não há necessidade em doar seu gato se estiver gestante, basta seguir esses cuidados e manter bons hábitos de higiene.

Uma dica para as gestantes, é pedir que outra pessoa em casa faça a higienização da caixa sanitária dos gatinhos. E lembre-se de manter o local sempre bem limpo com produtos desinfetantes.

Como se trata a toxoplasmose?

Para pessoas saudáveis, o tratamento geralmente é desnecessário, pois o sistema imunológico destrói o parasita. O diagnóstico é um simples exame de sangue para verificar a presença de anticorpos. Gestantes e pessoas com a imunidade baixa devem consultar um médico para tratamento adicional. Para diagnosticar se o seu gato está com toxoplasmose, você precisará ir ao veterinário. Se o seu pet realmente estiver com a doença, seu veterinário prescreverá antibióticos para controlar a infecção e impedir que o parasita cresça mais.

É verdade que a toxoplasmose manipula a mente?

Não. O Toxoplasma gondii, organismo que causa a toxoplasmose, era associado ao surgimento de doenças mentais e esquizofrenia, mas isso já foi refutado e não há vínculos definitivos com nenhuma mudança comportamental.

Você sabia?

Já foram encontradas baleias beluga no Ártico com toxoplasmose. Os cientistas acreditam que isso ocorre por causa de fezes de gatos infectados sendo levadas pelo mar.

Aprenda mais a respeito dos vermes intestinais mais comuns em gatos  aqui.

Palavras-chave
Compartilhar