Master Brand

Os pets podem ser infectados pelo Coronavírus?

Compartilhar
Intro Text
Dicas de experts de como melhor proteger seu pet
Content
Image
Cachorro recebendo carinho de veterinário

“Não existe evidência de que cães tenham algum papel na transmissão dessa doença humana ou de que eles fiquem doentes” explica o Dr. Shane Ryan. De acordo com ele, manter-se calmo e monitorar a situação com cuidado é o melhor que se pode fazer agora.

Nós sabemos que o Coronavírus passou de uma fonte animal para humanos em Wuhan, na China, e agora está se espalhando rapidamente entre as pessoas. Dr. Ryan não vê nenhuma necessidade de estabelecer quaisquer restrições para a movimentação de pets nesse período. Entretanto, ele recomenda que os tutores de pet se mantenham vigilantes e tomem as medidas preventivas.

“A situação está evoluindo rapidamente e, como uma medida interina de precaução, tutores de pet devem sempre aderir às medidas de cuidados pessoais básicas, como lavar as mãos antes que interajam com seus e outros animais.”

Para aqueles tutores que já foram infectados pelo vírus, ou que suspeitam que podem estar doentes, Dr. Ryan recomenda medidas simples para proteger seus pets.

“Um tutor de pet que está infectado pelo COVID-19 deve evitar contato com animais em casa, inclusive fazer carinhos, abraços, beijos, deixar ser lambido, e compartilhar comida. Sempre que possível, deixe seu pet aos cuidados de outra pessoa da casa enquanto você estiver doente. Se o tutor tiver a necessidade de cuidar de seu pet ou seja necessário que fique por perto de seus animais enquanto está doente, é recomendado lavar as mãos antes e depois da interação com o pet, além de usar máscara.”

Image
Gato no colo de veterinária

E se um pet desenvolve uma doença não explicada e foi exposto a uma pessoa infectada com COVID-19, os tutores devem conversar com as autoridades públicas oficiais que estão trabalhando com pacientes infectados.

O entendimento sobre o vírus que causa COVID-19 continua evoluindo, então as informações sobre a doença e seus impactos em pets podem mudar nas próximas semanas ou meses.

Até entendermos melhor sobre esse novo vírus, a melhor coisa que podemos fazer é tomar o máximo de cuidado possível conosco – e com nossos pets.

Dicas práticas:

  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Permanecer em casa quando você estiver doente.
  • Cobrir o nariz e a boca quando tossir ou espirrar utilizando lenços ou a parte interna do cotovelo. Ao usar lenços de papel, descarte-os no lixo imediatamente.
Palavras-chave
Compartilhar