Master Brand

Exercício e gatos: tudo o que você precisa saber

Compartilhar
Intro Text
Ainda que os gatos domésticos gostem de relaxar e tirar uma soneca, eles precisam brincar e se exercitar também. Descubra por que o exercício é importante, como você deve brincar com seu gato e como encontrar a atividade favorita dele.

Não é surpresa que os gatos que ficam dentro de casa façam menos exercício do que os gatos de rua. Mas o exercício e a brincadeira são pontos chave para o bem-estar geral dos gatos. É importante encontrar oportunidades que explorem os instintos animais dele em pelo menos, três períodos de brincadeira intensa durante cinco minutos por dia.
Content
Image
dois gatos se exercitando enquanto brincam com seus brinquedos

Por que se exercitar e brincar é importante?

Brincar com seu gato não é apenas uma oportunidade de se relacionar com ele - é uma maneira de mantê-lo saudável para que vocês possam aproveitar mais anos juntos. Em todo o mundo, as taxas de obesidade em animais de estimação estão aumentando; portanto, ao incorporar exercícios na rotina diária do seu gato, você pode ajudá-lo a manter o peso, deixar seus músculos fortes e evitar doenças que acompanham a obesidade, como diabetes.

Além de ajudá-los a manter o máximo de saúde física, brincar e fazer exercícios também auxilia seu gato a desenvolver bons hábitos comportamentais. As brincadeiras distraem seu gato, impedindo-o de destruir itens domésticos, como móveis ou plantas. Você pode também ensinar os horários apropriados para brincar e com isso, manter a mente alerta e ativa.

De quanto exercício um gato precisa?

Embora as necessidades de exercícios do seu gato variem por idade, peso e nível de atividade atual, geralmente é recomendável que você o envolva em, pelo menos, três períodos de brincadeira intensa durante cinco minutos por dia.

Quando você estiver brincando com seu gato, lembre-se: eles são predadores por natureza, e essas breves e curtas atividades de cinco minutos são comparáveis ​​à maneira como caçariam na natureza. Gatos - mesmo aqueles que vivem em ambientes fechados - nasceram para escalar, pular, caçar e perseguir. Não tenha medo de explorar esses instintos animais e imitar os comportamentos naturais deles enquanto você brinca.

Como exercitar seu gato

Para descobrir se o seu gato prefere escalar ou perseguir; introduza brinquedos e atividades, uma de cada vez, para ver quais ele mais gosta. Também é uma boa ideia alternar suas opções de brinquedos para que seu gato não fique entediado.

E por falar em brinquedos, aqui estão algumas das opções favoritas pelos gatos:

  • Árvore de gato: a árvore de gato perfeita vai do chão ao teto e é feita de materiais diferentes para que seu gato possa usá-la para escalar e arranhar - duas ótimas oportunidades de exercício.
  • Rato de pelúcia: seu gato vai treinar com este brinquedo como se ele fosse uma presa.
  • Varinhas de penas: são brinquedos que, quando agitados, despertam a atenção dos gatos, pois essa espécie é atraída pelo movimento de pequenos objetos. Certifique-se de que o seu brinquedo tenha penas sintéticas e não naturais - proteja nossos animais silvestres! Enquanto estiver brincando, mantenha o interesse do seu gato movendo a pena, alternando a velocidade.
  • Caixas de papelão: gatos adoram se esconder e divertir-se entrando e pulando para fora das caixas. Além disso, é provável que você já tenha algumas em casa.
  • Lanternas ou lasers: os gatos adoram caçar, uma ponteira a laser ou uma lanterna podem ser formas fáceis de se exercitarem, movendo o feixe de luz pela sala e subindo pelas paredes. Apenas certifique-se de que sua sessão de brincadeira termine com seu gato pegando a “presa” dele para eliminar a frustração (lembre-se de nunca acender uma luz, especialmente um laser, diretamente nos olhos dos gatos).
  • Roda de exercícios para gatos: se o seu gato tem muita energia e você tem espaço para isso, uma roda de gatos fornece a ele a chance de correr e perseguir.

Embora os gatos gostem de relaxar, exercícios e brincadeiras regulares são cruciais para a saúde deles de uma forma geral. Se você já tem uma rotina ou está apenas começando, lembre-se de que suas atividades devem explorar os instintos naturais do seu gato. Existem muitas maneiras de brincar com seu gato, e encontrar o que ele ama ajudará a mantê-lo ativo e feliz por muitos anos.

Leia sobre por que a hora da brincadeira também é importante para os filhotes.

Palavras-chave
Compartilhar